38ª SECOM começa com grandes metamorfoses

Nessa segunda feira, (20), às 19h, foi inaugurado oficialmente o ciclo de palestras da Semana de Comunicação da Universidade de Taubaté (SECOM), em sua 38ª edição. A palestra de abertura contou com a presença de Leo Veri, consultor de tecnologia e inovação da Oracle, que abriu a noite com o tema Inovação e Intraempreendedorismo: os ingredientes da transformação digital.

Estavam presentes na noite de abertura, a Pró-Reitora de Extensão (PREX) Profª Draª Letícia Maria da Costa, a Diretora do Departamento de Comunicação Social, a Profª Ms. Edilene Maia de Almeida Macedo, professores e alunos dos cursos de jornalismo (JO), publicidade e propaganda (PP) e relações públicas (RP).

“É um momento muito especial da minha vida. Tive muitos bons momentos aqui na comunicação como aluna”, comentou Maria Letícia, (graduada em dois cursos da área de comunicação na Unitau), em seu primeiro evento como Pró-Reitora da universidade. “É uma grande emoção ver como o departamento evoluiu”, completou com lágrimas nos olhos.

A diretora e professora do Departamento Edilene Maia no discurso de abertura dos trabalhos, comentou sobre as expectativas para a edição dessa SECOM, “Que essa seja uma semana de transformações e que ao fim dela, todos passem por mudanças e saiam do casulo”, fazendo referência a temática “Metamorfose”, escolhida para o evento.

Foto: Aguinaldo de Jesus

Leo Veri, falou sobre os modelos de educação que não evoluíram frente as revoluções industrias e tecnológicas; comentou sobre as profissões atuais influenciadas pelos avanços digitais; questionou sobre os modelos aos quais estamos habituados e ressaltou a importância da criatividade e inovação, uma vez que ficção científica está se tornando fato científico.

A primeira noite foi de auditório cheio e o aluno do 4º semestre de PP, Leonardo Krupinsk, sobre a palestra, achou o conteúdo diferente e gostou da abordagem de temas sobre o futuro e mercado de trabalho da área de comunicação. A noite encerrou com os DJs Jonas Pache e Guilherme Russi, além do tradicional grafite, feito pelo artista BK, que ilustrou a borboleta símbolo da edição da 38ª Secom, num dos muros do prédio.

Foto: Aguinaldo de Jesus

No período da manhã o público foi reduzido, mas a interação entre alunos e palestrante tornou-se mais próxima, como um grande bate-papo. Matheus Lorenzoni, aluno do 6º semestre de PP, que já trabalha na área de comunicação, comentou suas impressões sobre o evento, afirmando que achou “sensacional” o tema metamorfose, pois acredita que os alunos, de um modo geral, passam por um processo de transição durante a faculdade “a gente entra de um jeito e quer sair de outro, e às vezes a gente não sabe como. Passando pelas palestras e pelas aulas é como se a gente realmente fosse uma borboleta”.

As alunas veteranas Camila Souza, do 8º semestre de PP noturno e Isabella Otero, do 8º semestre de JO matutino, comentaram sobre suas expectativas para os demais dias de evento. “Pelo pessoal que está vindo, pela programação, vai ser muito legal”, disse Camila. E a aluna Isabella completou, “Acho superimportante a gente participar”. E um comentário foi unânime entre as alunas “não quero perder nenhum dia”.

Nessa terça feira, (21), às 19h, acontece a chamada “Noite Específica”, na qual alunos assistem a palestras específicas para os seus cursos, ministradas por profissionais de cada área. Acompanhe a programação completa do evento nas redes sociais.

Facebook: /csonlineunitau

Instagram: Comunicacaounitau

Juliana Faria e Valeska Migotto

ACI/UNITAU

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *