Artigo de docente da UNITAU sobre pesquisadora de rádio do CJE-ECA/USP recebe prêmio de menção honrosa

“Gisela Swetlana Ortriwano e o Radiojornalismo: contribuições para (re)pensar procedimentos e métodos na formação acadêmica”, artigo de autoria do prof. Dr. Lourival da Cruz Galvão Júnior, do Departamento de Comunicação Social da UNITAU, foi premiado com menção honrosa pelos organizadores do 19° Encontro Nacional de Professores de Jornalismo na categoria “projetos pedagógicos”. As indicações para o prêmio levaram em conta a qualidade dos trabalhos apresentados nos cinco Grupos de Pesquisa do 15º Ciclo de Pesquisa em Ensino e Extensão em Jornalismo, realizado em 26 e 27 de novembro, durante o evento promovido pela ABEJ – Associação Brasileira de Ensino de Jornalismo.

Foto: Divulgação – Galvão Jr

O texto premiado faz parte da pesquisa de pós-doutorado que Galvão Júnior desenvolve, sob supervisão do prof. Dr. Luciano Victor Barros Maluly, no Departamento de Jornalismo e Editoração da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (CJE-ECA/USP). A investigação, que trata da trajetória acadêmica de Gisela Swetlana Ortriwano – referência nos estudos sobre o rádio no Brasil, propõe a identificação de um “modelo giselista” baseado na obra criada pela docente Ecana em quase três décadas dedicadas ao ensino e à pesquisa no CJE.

Falecida em 2003, Gisela Ortriwano é também tema da série radiofônica “Vozes Giselistas”, produzida e narrada por Galvão Júnior e transmitida todos os domingos às 11 horas, pela Rádio USP, no programa “Universidade 93,7”. Desde o dia 1º de novembro, os episódios apresentam o depoimento de pessoas que acompanharam o desenvolvimento das ações acadêmicas da docente, que foi a primeira a defender, no país, uma tese de doutorado dedicada exclusivamente ao radiojornalismo, fato que completou 30 anos no dia 06 de junho de 2020.

Foto: Divulgação – Galvão Jr

Dentre as personalidades que participaram da série está o Prof. Dr. Prof. Dr. Ciro Juvenal Rodrigues Marcondes Filho, que foi um dos amigos mais próximos de Gisela Swetlana Ortriwano. O depoimento, que foi “ao ar” no dia 5 de dezembro, é um dos últimos concedidos por Ciro Marcondes Filho, que faleceu em 8 de novembro de 2020, aos 72 anos de idade. Doutor pela Universidade de Frankfurt, pós-doutor pela Universidade de Grenoble, na França, e livre-docente pela Universidade de São Paulo, Ciro Marcondes Filho era professor titular da USP desde 1987, onde, assim como Gisela Ortriwano, cursou duas graduações entre o final da década de 1960 e início dos anos 1970: Ciências Sociais e Jornalismo. Além de ter sido colega de faculdade, Ciro também foi orientador da tese de doutorado da docente Ecana.

Os episódios da série “Vozes Giselistas” estão disponíveis para audição no site do CJE-ECA/USP: http://www.usp.br/cje/radiojornalismo/index.php/category/colunas/coluna-modelo-giselista-de-radiojornalismo/vozes-giselistas/

Outros detalhes sobre a premiação estão no link http://www.abejor.org.br/novo/noticias/ler/1001/Abej_publica_lista_de_trabalhos_premiados_no_19%C2%BA_ENPJ

ACI Comunicação Social

Unitau

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *